Cartagena das Índias

Fui a Cartagena com meu namorado em março de 2012. Estivemos na cidade por três noites e ainda faltou tempo para caminhar sem rumo pelas ruas do centro histórico, dentro da cidade murada. E olha que não fizemos o passeio ao vulcão nem às ilhas do Rosário! Não fomos ao vulcão porque li, em mais de uma reportagem,  que o passeio é uma roubada. E não fomos às ilhas do Rosário porque seis noites em San Andrés nos esperavam!

Em Cartagena você pode se hospedar dentro da cidade murada (Centro ou San Diego), na praia (Bocagrande), ou no bairro Getsemaní. Nós ficamos no centro histórico e achamos ótimo! Ficamos no hotel Casa Abril B & B  e o único inconveniente foi termos escolhido o melhor quarto do hotel: apesar de bem grande, ele ficava logo na entrada, então o barulho da rua e as constantes buzinas dos veículos inevitavelmente nos acordavam antes do planejado. Atenção: você dificilmente encontrará hotéis com chuveiro com água quente dentro dos muros de Cartagena. Para nós, considerando o calor da cidade, não fez falta! E, fica a dica, se você for reservar seu hotel pela internet na Colômbia, por uma diferença de cerca de R$ 10,00 por diária, você consegue um upgrade no quarto, o que vale muito a pena. Fizemos isso em Cartagena e em Bogotá. Retornando aos hotéis em Cartagena, não aconselharia que você se hospedasse no bairro Getsemaní. Os hotéis/albergues são mais baratos, mas algumas ruas do bairro não inspiram muita confiança. Dizem que é tranquilo, mas eu não arriscaria! Outra opção, fora da cidade murada, é hospedar-se na praia. São hotéis maiores, de grandes redes, com melhor infraestrutura. A desvantagem é que o charme todo de Cartagena fica no interior dos muros, onde há uma maior concentração de bares, restaurantes e lojinhas, e nós fazíamos tudo isso a pé. A vantagem de ficar hospedado na praia, bem, é ficar hospedado na praia! Mas, não vá esperando grande coisa: a praia é muito ventosa e a água e areia são meio marronzinhas. Não sei por que, mas me lembrou o Cassino (Rio Grande/RS) rsrsrsrs. Ah! E os vendedores! Bom, você vai entender quando chegar lá. Massagistas, artesãos, mulheres querendo fazer trancinhas no seu cabelo, enfim, tem de tudo.

DSC_0160

Cartagena

Só usamos o táxi de e para o Aeroporto. O resto fizemos tudo a pé. Tá certo que nós gostamos de caminhar, mas acho bem possível, se você se hospedar no centro histórico, fazer o passeio todo a pé. Numa manhã fomos à praia, alugamos cadeiras e guarda-sol (uma barraquinha esquisita) e ficamos por ali por pouco tempo, já que em breve estaríamos no mar-de-sete-cores de San Andrés. Caminhamos pelo bairro Bocagrande e voltamos para um pôr-do-sol sobre a muralha.

Centro Histórico

Centro Histórico

Forte Castillo de San Felipe de Barajas

Forte Castillo de San Felipe de Barajas

Fomos ao Forte Castillo de San Felipe de Barajas e contratamos um guia para um tour. Achamos que valeu a pena, por cerca de R$ 25,00 reais para o casal (mais o ingresso), ele nos contou histórias bem legais da cidade e falava bem devagar que ficou fácil de entender o portunhol. Leve chapéu, vá de roupas leves, passe protetor solar, porque boa parte desse passeio é no sol. De lá voltamos a pé pelo bairro Getsemaní. Li em vários blogs e reportagens que era bom tomar cuidado ao passar por ali e por isso ficamos um pouco apreensivos. Mas passando pelas ruas Calle 24 e Calle 25 é tranquilo. Ficou inseguro? Pegue um táxi do forte até a ponta Calle 24 e faça o restante do trajeto a pé. Detalhe: pare para almoçar no restaurante La Casa de Socorro. Cuidado que tem vários restaurantes com o nome parecido. Excelente, melhor restaurante que fomos em Cartagena. Ótimo atendimento, comida deliciosa e ambiente agradável. Vale conferir. De quebra ainda tiramos umas fotos com uma Palenquera (tipo uma baiana, que vende frutas) que estava passeando por ali. Voltando para o interior dos muros, paramos para comprar uns doces na feira, bem na entrada principal da fortificação. É uma feirinha pequena, mas bem típica. Pertinho do hotel fizemos aula de salsa, bem legal! Fizemos o passeio de rumba noturno e acho que vale a pena. Por cerca de R$ 30,00 por pessoa você faz um city tour animado, regado a rum e coca-cola. E ainda tem uma pausa para uns quitutes. No final, eles param na boate Mister Babilla, que estava bem vazia. Aliás, nenhum dos bares/boates na Calle 24 tinha movimento, ao contrário do que esperávamos. Não sei se foi a época do ano ou se é vazio mesmo. Tomamos uns mojitos e voltamos a pé para o hotel. Ah! Eu tinha dito que só tinha usado táxi para o aeroporto, né? Mentira! Nós pegamos táxi para chegar ao ponto de partida da rumba, que ficava num dos hotéis na beira da praia. Comemos uma pizza muito boa na pizzeria gourmet El mar de Juan, na plaza San Diego e nos decepcionamos com o mojito da Bodeguita del Medio, filial do restaurante cubano consagrado por Hemingway. Tomamos deliciosos mojitos e pinas coladas no bar Café del Mar, em cima da muralha, vendo o sol se por no mar. Mas precisa chegar cedo para pegar uma mesinha com vista privilegiada (tá certo que bem no por-do-sol todo mundo que estava de pé e que chegou no último minuto ficou tapando nossa vista hihiihhi). Comemos uma comida bem simples mas muito gostosa no El Bistro. A noite a praça principal do centro histórico é sempre movimentada, com artistas, músicos, vendedores. Nos restaurantes e bares lotados peça um tinto ou bianco del verano, deliciosos! Para comprar lembranças de viagem e presentinhos Cartagena é uma ótima opção. Além de variedade, tem os artesanatos mais bonitos e  os preços mais convidativos da viagem. Foi em Cartagena que conheci e me tornei fã da marca espanhola Desigual. Por lá também uma marca de biquínis maravilhosos, todos bordados. Nao comprei porque achei um pouco caro, mas depois me arrependi! Lembre que apesar de San Andres ser uma ilha-free shop, os produtos de artesanato lá são bem fracos, então é bom aproveitar Cartagena para essas compras.

Um doce de doce de leite, divino!

Um doce de doce de leite, divino!

Centro Histórico

Centro Histórico

DSC_0634

Por do sol em Cartagena

 

 

______

Nos siga no Twitter: @blogviagemadois

Instagram: @blogviagemadois

Facebook: https://www.facebook.com/ViagemADois

E assine nossa newsletter aqui.

Cristiane Pouey

Publicado por Cristiane Pouey

Cristiane Cantarelli Pouey tem 32 anos e é advogada pública federal. Começou suas viagens internacionais por Cuba, seguida de República Tcheca, Croácia e Hungria, para só depois conhecer clássicos como Estados Unidos e Itália. Gosta de destinos alternativos e de viajar por conta própria. Já conhece 17 países e está se esforçando para aumentar este número.
16 mai2013

Ola, muito legal o post, cheguei por acaso procurando info sobre Cartagena, um post recheado de info!

Atsu

    16 mai2013
    Rachel e Luciano

    Oi Atsu, que bom que gostou do post! =)

25 ago2013
Fatima

Rachel e Luciano gostaria que vocês me orientassem como faço para ir de Cartagena para San Andres. Quantos dias são suficientes para cada, sugestão de passeios e hotéis. Obrigada

    26 ago2013
    Rachel e Luciano

    Oi Fatima, você pode ir para San Andres de avião pelas cias Lan, Avianca e Copa. Quanto dias é muito pessoal mas nós ficamos 5 dias em Cartagena e deu para aproveitar bastante. Nesse link você consegue ver nossos posts de Cartagena: http://www.viagemadois.com/tag/cartagena =)

27 ago2013
Rachel e Luciano

gostei do post, gostaria de saber se no mes de abril ou maio e muito calor em Cartagena, quando vc fala de hospedagem nos bairros Centro ou San Diego fica dentro da cidade amuralhada. Pretendo ir nessas datas, e tranquilo ir sozinha, tenho mais de 60 anos, ai fico um pouco em duvida. Obrigado

    27 ago2013
    Rachel e Luciano

    Olá! A temperatura em Cartagena não varia muito ao longo do ano, portanto não tem muito como fugir do calor. A cidade fica bem quente à tarde, mas os ventos do litoral amenizam bastante. Achamos a cidade bastante policiada, então acreditamos que não deve ter muitos problemas com segurança! =)

9 nov2013
sonia

amei as ditas, muito bommm !! beijos

    11 nov2013
    Rachel e Luciano

    Oi Sonia, que bom que gostou. Volte sempre! :-)

16 nov2013
Rebecca

Amei o post e gostaria de saber quais lojas tem lá? Onde é melhor comprar? E no é melhor fazer o câmbio, aqui no Brazil ou na Colômbia? Beijos e estou no aguardo da resposta!

11 mar2014

Olá, casal! Adorei o post.
Queria saber onde você fez a aula de salsa. Vou com meu noivo para Cartagena passar lua-de-mel. Queria muito fazer aula de salsa com ele. Vocês me passam as dicas?
Abraços, Cris.

    19 mar2014
    Rachel e Luciano

    Cristiane, demoramos a responder porque repassei a pergunta para nossa colaborada responder (a autora do post). Ela nos disse que a aula que ela fez foi aqui http://crazysalsa.net/home.htm Abraços!

2 ago2014
Millena

Adorei o post !!!! ja coloquei nos meu favoritos, e espero realmente usar as dicas! Estou planejando uma viagem mas estamos em regime redução de custos, somos todos formandos. Eu vi no Trip Advisor um cara falando de barcos que fazem de Cartagena a San Andrés, mas não estou achando nada sobre.. vc viu algo sobre isso lá, Rachel?

Obrigada !

4 ago2014

Milena, eu li muito pouco sobre isso. Não tenho como te dar dicas ou informações a respeito. :-( Mas se programa sim, a Colômbia e principalmente Cartagena é encantadora! Abraços!

Deixe seu comentário





Comments