A vida do viajante

23 fev 2016

Sumimos. E dessa vez não foi por viagem, infelizmente. 2016 chegou com tudo por aqui. Foram apenas 54 dias, mas até agora já foi o ano mais difícil de nossas vidas. Foram vários problemas de saúde na família e a perda de um ente querido.

Tabú, como era conhecido por quase todos, era o meu tio-avô (Rachel), mas na prática era meu segundo pai. Sempre ao meu lado, desde o dia que nasci até o dia 12 de fevereiro de 2016. Sem dúvidas, foi uma das pessoas que me fez uma apaixonada por viagens. Tinha um amor por viajar que era lindo de ver. Não é a toa que nos acompanhou em muitas viagens na vida, inclusive muitas que estão aqui no blog como: Colômbia, Disney, Itaparica, Vitória e muitas outras. O prazer de viajar era tanto que viajou até seus últimos dias de vida, inclusive.

No aeroporto do Panamá!

No aeroporto do Panamá!

Em Cartagena

Em Cartagena

Conhecendo a Disney

Conhecendo a Disney

Ele faleceu com 89 anos e podemos dizer que bem vividos. Andou por esse país e muitos outros. Morreu com o sonho de conhecer Natal, que infelizmente não foi possível realizar a tempo. Mas se Deus quiser faremos uma viagem em homenagem a ele. Uma das coisas que mais me encantava nele, era que não importava aonde, mas sempre que tinha uma Igreja ele entrava, pedia 5 minutos, só para agradecer a Deus por estar naquela cidade. Mas essa era a essência dele mesmo, ficar feliz com pouco e distribuir sorrisos, levando leveza a tudo!

Agradecendo, como sempre!

Agradecendo, como sempre!

Esse post não é um desabafo ou um post de lamentações. Mas queria deixar aqui também registrado o nosso amor e agradecer por tudo que ele fez por nós! Ele não somente nos ajudou na vida como um todo, mas no blog também. Estamos voltando aos poucos. Tá um pouco difícil escrever ainda, mas com o tempo tudo entra no lugar novamente, não é? Essa semana ainda espero já ter post novo.

Termino o post com a letra da música que ele mais cantou na vida: “Minha vida é andar por esse país para ver se um dia descanso feliz”, o título desse post. Vai com Deus, Tabú, e obrigada por tudo!


 

Faça seu seguro viagem com a Real Seguro Viagem

Reserve seu hotel no Booking ou Hoteis.com.

Alugue seu carro na RentalCars.


Nos siga no Twitter: @blogviagemadois

Instagram: @blogviagemadois

Snapchat: viagemadois

Facebook: https://www.facebook.com/ViagemADois


Powered by Benchmark Email

Publicado por Rachel e Luciano Guedes

Somos um casal apaixonado por viagens e que compartilha relatos e dicas voltados, não exclusivamente, para programas românticos. Todas as nossas dicas são baseadas em nossas experiências.

Siga
Snapchat
viagemadois

comentários

  1. Na época em que ele faleceu eu não sabia quem era, mas percebi que era uma pessoa muito importante na sua vida.
    Quando nossos entes queridos vão embora, o que podemos fazer é lembrar com carinho dos momentos que passamos ao lado deles. E, para aqueles que ainda estão por aqui, nos resta aproveitar o máximo que pudermos, pois, infelizmente, um dia teremos que nos despedir.
    Lindo esse post!

    • Não é fácil, né? Até hoje me emociono quando lembro. Acho que vai ser assim a vida toda. A dor aos poucos diminuiu mas as recordações nos mostram como tudo valeu a pena!! E é isso mesmo, vamos em frente e aproveitar os que continuam ao nosso lado! <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.