Nosso roteiro de 2 dias em Madri – Road trip, dia 6

20 abr 2017

Saindo de Toledo tomamos o rumo de Madri, a capital da Espanha. Chegamos já à noite e paramos o carro em uma rua próxima ao hotel. Acabamos sendo multados porque escolhemos a opção errada no parquímetro, como vocês podem ler no post “Viagem de carro entre Portugal e Espanha“. Hoje vamos compartilhar nosso roteiro de 2 dias em Madri (com mapa). Se você estiver com viagem marcada, esse roteiro pega as principais atrações da cidade e pode ser uma boa opção!

Dia 1 

Começamos nosso primeiro dia procurando um lugar para tomar café da manhã, já que nossa diária não incluía o serviço. Acabamos indo a “La Mallorquina”, uma tradicional pastelaria da região da Puerta del Sol, em funcionamento há mais de 120 anos. Vale a pena passar por ali e provar um dos lindos doces expostos nas vitrines.

Depois do café, caminhamos até a Plaza Mayor, seguindo pela Calle Mayor no sentido oposto ao tráfego. A praça em questão tem um valor histórico indescritível. Suas origens remontam ao século XV, quando era o mercado mais popular da então vila, mas ganhou maior importância com a transferência da corte para Madri na segunda metade do séc. XVI, ocasião em que foi remodelada. Dentre os prédios que circundam a praça, merece destaque a Casa de la Panaderia, que já teve diversas funções. O nome decorre do fato de, originalmente, ter servido como moinho e ser o lugar onde era fixado o preço do pão.

Roteiro de 2 dias em Madri

Plaza Mayor

Roteiro de 2 dias em Madri

O cortejo que vimos sem saber o que é.. haha!

Enquanto estávamos na praça passou uma espécie de cortejo, mas não conseguimos identificar as pessoas que estavam dentro do carro. Acreditamos que eram componentes da família real.

Saindo da praça voltamos a Puerta del Sol para tomar o ônibus turístico (veja mais no post “Madrid City Tour“). Nós fizemos o trajeto completo pela parte antiga da cidade. Depois que terminamos a volta, decidimos almoçar num pequeno restaurante italiano na Calle Mayor, o Grazie Mille Kitchen Bar. Comida boa e relativamente barata. Boa opção para que quer algo rápido mas não quer ficar no hambúrguer.

De barriga cheia fomos até o belíssimo Parque de El Retiro, matar o tempo até o horário de visitação gratuita do Museu del Prado. Fazia muito frio, o que fez com o que passeio não fosse dos mais agradáveis. As fotos confirmam isso. Mas se você estiver em um dia com clima mais ameno, vale muito a pena caminhar pelo parque.

Roteiro de 2 dias em Madri

Nossos pratos no Grazie Mille Kitchen Bar

Roteiro de 2 dias em Madri

Rachel no Parque del Retiro

Parque del Retiro

Roteiro de 2 dias em Madri

Museu grátis = fila enorme

Roteiro de 2 dias em Madri

E o pôr do sol na porta do museu? Um dos mais lindos que já vimos…

Finalmente, o Museu del Prado. O museu tem admissão gratuita de segunda a sábado, entre 18h e 20h, e aos domingos e feriados, entre 17h e 19h. Quando lá chegamos, em que pese estarmos num período baixa temporada, já havia uma fila gigante. Nós quase desistimos, mas decidimos pagar para ver. A fila andou rapidamente e cerca de quinze minutos depois já estávamos dentro do museu.

Com apenas duas horas para visitação, decidimos ver apenas as obras principais indicadas no mapa. Mas se você estiver com uma folga na grana ou for um admirador de arte, deve dedicar mais tempo ao museu. Ele é enorme. São inúmeras obras importantíssimas, de artistas como Goya, El Greco e Velásquez.

Fechado o museu, voltamos andando para a região da Puerta del Sol, próxima ao hotel. Na grande praça pode ser encontrado o famoso urso de Madri. Ainda não entendemos a fama do ursinho, mas fizemos nossa foto. Na Puerta del Sol também fica o prédio da prefeitura de Madri. Para os interessados em fazer umas comprinhas, a região conta com uma filial da Apple Store e do El Corte Inglés, a famosa rede de lojas de departamentos espanhola. Depois desse longo dia, voltamos ao hotel para nosso merecido descanso.

Dia 2

Começamos nosso segundo dia com o café da manhã em uma pequena padaria próxima ao hotel, chamada Viena Capellanes (Calle del Arenal, 30). Tudo muito gostoso, atendimento rápido e gentil e preços razoáveis. Boa opção para quem estiver hospedado na região e não tiver café incluído na diária.

Dali seguimos para nossa visita ao Palácio Real. O majestoso edifício construído no século XVIII é ponto de parada obrigatório para quem vai a capital espanhola. Embora seja oficialmente a residência da família real, na prática é utilizado apenas para cerimônias relevantes. Além do prédio em si também há um anexo onde existe uma coleção de armas e armaduras muito interessante, especialmente para quem se interessa pelo tema ou viaja com crianças.

Sugerimos que você compre os bilhetes pela internet, especialmente se estiver viajando em alta temporada ou em períodos de feriado, já que as visitas são agendadas. Nós compramos na noite anterior porque, embora estivéssemos em baixa temporada, nosso dia estava muito cronometrado e não queríamos dar o azar de ter que esperar para entrar. Os bilhetes custam 11 euros e há algumas hipótese de tarifa reduzida (como idosos e estudantes de até 25 anos), ao custo de 5 euros.

 

Roteiro de 2 dias em Madri

Palácio Real

Saindo do palácio fomos à Catedral de la Almudena, ali ao lado. A visita é gratuita. Trata-se de um edifício relativamente recente, cuja construção foi iniciada no fim do século XIX e consagrada apenas em 1993 pelo Papa João Paulo II. O que achamos mais interessante na visita foi o aspecto moderno de algumas obras e vitrais, bastante diferente do que vimos ao longo da nossa viagem pela Espanha.

 

Roteiro de 2 dias em Madri

Detalhes do interior

Roteiro de 2 dias em Madri

A Catedral

Roteiro de 2 dias em Madri

Detalhes da parte de trás

Depois da Catedral fizemos um lanche rápido e rumamos para o Templo de Debod. Trata-se de um verdadeiro prédio do Egito antigo, o qual foi dado a Espanha pelo governo egípcio como agradecimento pela colaboração dos espanhóis em um esforço para salvar alguns templos da inundação que seria provocada por uma represa. Infelizmente não pudemos fazer esta visita pois estava fechado, mas deu para tirar umas fotos do exterior. Se estiver por ali, aproveite para ir até atrás do templo onde se tem uma bonita vista de parte da cidade, inclusive dos jardins do Palácio Real.

 

Roteiro de 2 dias em Madri

Templo de Debod

 

Por fim, partimos para o Museu Rainha Sofia, para pegarmos o horário de visitação gratuita. Havia uma pequena fila, mas o acesso foi bem mais rápido do que ao Museu del Prado. Assim como fizemos neste, concentramo-nos nas principais obras, dentre as quais destaca-se “Guernica”, talvez a mais famosa de Picasso. O museu é muito interessante. Vale muito a pena visitá-lo com calma se você for ficar mais tempo na cidade. Também há ali diversas obras de Miró e Dali.

Roteiro de 2 dias em Madri

Mais uma fila o/

Para fechar o dia, fomos ao lMercado de San Miguel. É o lugar ideal para provar as famosas tapas e também para badalar. Estava absolutamente lotado. O Luciano comeu uma porção de paella e a Rachel uma carne e uma tortilha, esta comprada em um bar em frente ao mercado. Para as sobremesas decidimos ir a Churreria 1902 (Calle de San Martin 2), ali ao lado do hotel, onde provamos os churros (este mais fininho da foto) e as famosas porras (que nada mais são que churros maiores) com chocolate.

Roteiro de 2 dias em Madri

E para finalizar a noite: churros

Agora era dormir porque teríamos uma longa jornada no dia seguinte, de volta a Portugal, com uma breve parada em Salamanca mas isso já é assunto para um próximo post!

E você já foi na cidade? Tem dicas para compartilhar conosco? Gostou do nosso roteiro de 2 dias em Madri? Deixe aqui nos comentários!



Booking.com

Publicado por Rachel e Luciano Guedes

Somos um casal apaixonado por viagens e que compartilha relatos e dicas voltados, não exclusivamente, para programas românticos. Todas as nossas dicas são baseadas em nossas experiências.

Siga
Snapchat
viagemadois
Tags:

Veja também:

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *