Roteiro em Bruxelas: nossos dois dias na cidade

10 mar 2016

Chegamos a Bruxelas já no fim da tarde, algo por volta das 16h. Como o hotel em que nos hospedamos era na frente da estação de trem (veja mais em Onde se hospedar em Bruxelas: Ibis Brussels Centre Gare Midi), corremos para fazer nosso check-in e deixar as malas e tentar aproveitar o pouco tempo que teríamos na cidade. Nosso primeiro destino foi o Atomium.

O Atomium é um monumento com o formato de uma molécula de ferro. Foi construído em 1958 e atinge 103 metros de altura. Muitos o chamam de Torre Eiffel de Bruxelas, mas nós achamos a comparação exagerada. Incluímos o Atomium no roteiro porque queríamos experimentar a vista da cidade de que todos falam, mas, infelizmente, já estava fechado quanto chegamos (erro de principiante) e só pudemos tirar fotos de fora.

Para chegar ao Atomium, tome o metrô e desça na estação Heysel. Ele fica aberto das 10h. às 18h., exceto nos dias 24/12, 25/12, 31/12 e 01/01, quando funciona em horários alternativos. O ingresso custa 12 euros para adultos e estudantes têm desconto. Se você estiver com o Brussels Card, tem direito a um desconto de 3 euros.

Roteiro de dois dias em Bruxelas

Lindo!

Roteiro de dois dias em Bruxelas

Nós

Roteiro de dois dias em Bruxelas

E dava para parar de fotografar?

 

Saindo do Atomium fomos jantar no Chez Leon, restaurante em que falamos mais nest post: Onde comer em Bruxelas.

Depois do jantar, fomos visitar as Galerias Reais St. Hubert. É um espaço que podemos definir como precursor do que conhecemos hoje como shopping, construído no século XIX. Em virtude do horário muitas lojas já estavam fechadas. A galeria possui diversas chocolaterias e, é claro, não poderíamos deixar de experimentar o famoso chocolate belga. Escolhemos a Neuhaus e compramos quatro bombons (ao leite, caramelo, framboesa e café) por 3,60 euros. Delícia!

Roteiro de dois dias em Bruxelas

A construção é algo incrível!

Roteiro de dois dias em Bruxelas

Rachel dentro da galeria

Caminhando chegamos à belíssima Grand Place, que merecidamente ostenta o título de mais bela praça da Europa. Considerada patrimônio mundial pela UNESCO, é ponto de visita mais que obrigatório. Mesmo fora de temporada a praça estava lotada!

Dentre os prédios que cercam a praça, destacam-se a Prefeitura, com seus 96 metros de altura (é a foto que você revelou, com a torre alta atrás da gente) e a Casa do Rei, onde funciona o Museu da Cidade de Bruxelas. Nesta praça também fica o restaurante “La Maison du Cygne”, onde supostamente Karl Marx escreveu “O Capital”.

Roteiro em Bruxelas

Fora a cara de cansados, é uma das nossas fotos favoritas na cidade.

Roteiro em Bruxelas

Luciano em frente ao restaurante

Roteiro em Bruxelas

A placa que fica no restaurante

Ali na praça, numa esquina, fica o Monumento a Everard t´Serclaes. Dizem que é preciso passar a mão na estátua para ter sorte…

Roteiro em Bruxelas

Na dúvida, passamos a mão também! 😉

Antes de voltar pro hotel, procuramos o famoso Manneken Pis, conhecido entre nós por “Manequinho”, que nada mais é que uma estátua de um menino urinando! Como somos botafoguenses e o Manequinho virou mascote do Botafogo (uma réplica fica na porta do clube, no Rio de Janeiro), não podíamos deixar de passar lá. Ele fica na esquina da Rue du Chêne com Rue de l’Etuve. A essa altura já estávamos exaustos e voltamos ao hotel.

Roteiro de dois dias em Bruxelas

A mini estátua

Seguro viagem geral 468x60

No dia seguinte, logo cedo, fizemos o check-out, deixamos a bagagem em um maleiro, e voltamos a Grand Place para admirá-la à luz do sol. Aproveitamos para conhecer o Museu do Chocolate, ali pertinho. Trata-se de um pequeno prédio de dois andares. No superior fica uma pequena exposição onde constam dados sobre a cultura do cacau (produção, espécies, história do chocolate…). Também são oferecidas amostras de chocolates do Peru e da Costa Rica. No inferior, acontece uma espécie de aula de chocolateria, com uma pessoa mostrando como são feitos os bombons e oferecendo amostras. Interessante, mas não imperdível.O ingresso custa 6 euros, mas você não precisa pagar se estiver com o Brussels Card. Veja mais em: Vale a pena comprar o Brussels Card?

Roteiro em Bruxelas

Alguns dos chocolates para degustação

Roteiro em Bruxelas

Fazendo os bombons

Roteiro em Bruxelas

Chocolate que “fizemos”

Do museu seguimos para a Rue Neuve (Rua Nova), onde ficam as lojas de grifes internacionais. Passamos ali só para dar uma olhadinha mesmo, já que o euro estava a quase cinco reais.

Seguimos caminhando, agora para o Comic Center, uma espécie de museu dos quadrinhos. É uma atração muito divertida, especialmente se você gosta dessa forma de arte e se tem crianças. Peça na entrada o guia em português, que traduz parte da exposição. O ingresso custa 10 euros, mas a entrada está incluída no Brussels Card. Funciona todos os dias, exceto 25/12 e 01/01, de 10h. às 18h.

Roteiro em Bruxelas

Coisa mais linda esse museu

Roteiro em Bruxelas

O famoso Tintin

Depois fomos a mais uma chocolateria: a Mary Chocolatier, na Rue Royale. Aqui pagamos 3,80 euros por quatro bombons, mas não anotamos quais sabores experimentamos. Só lembramos que estavam muito saborosos! Aliás, o chocolate favorito da Rachel em Bruxelas, foi aqui. Pode ter certeza que vale cada centavo!

A seguir, visitamos a Catedral de Saint Michel, construída em estilo gótico e datada do século XIII. São Miguel é o padroeiro da cidade de Bruxelas. A Igreja é bem linda, vale a visita! Em frente a Igreja tem uma praça com vários bancos e aproveitamos alguns minutos ali sentados, vendo o fluxo todo. Fizemos esse trajeto todo andando, então os pés e pernas estavam pedindo um tempo. Caso você vá no outono a praça estará linda! Aproveitamos e tiramos várias fotos.

Roteiro em Bruxelas

Catedral de Saint Michel

Roteiro em Bruxelas

Na praça turistando

Já encerrando nossa estaria em Bruxelas, fomos ao Parque da Cidade de Bruxelas, que estava lindíssimo nesta tarde de outono, todo amarelinho. É lugar bem romântico, ótimo para uma pausa a dois! 🙂  De um lado da parque fica a Câmara dos Representantes e, do outro, o Palácio Real. As fotos descrevem a beleza do lugar melhor que quaisquer palavras.

Roteiro em Bruxelas

Brincando com as folhas

Roteiro em Bruxelas

Parque + outono = lugares incríveis!

Roteiro em Bruxelas

Palácio Real em Bruxelas

Quase noite, fomos almoçar/jantar e tomar o caminho da estação de trem, para seguirmos viagem. Próxima parada: Amsterdã! E você? Tem alguma dica de roteiro? Compartilhe aqui nos comentários conosco!



Banner 300x250


Faça seu seguro viagem com a Real Seguro Viagem

Reserve seu hotel no Booking ou Hoteis.com.

Alugue seu carro na RentalCars.


Nos siga no Twitter: @blogviagemadois

Instagram: @blogviagemadois

Snapchat: viagemadois

Facebook: https://www.facebook.com/ViagemADois


Booking.com

Publicado por Rachel e Luciano Guedes

Somos um casal apaixonado por viagens e que compartilha relatos e dicas voltados, não exclusivamente, para programas românticos. Todas as nossas dicas são baseadas em nossas experiências.

Siga
Snapchat
viagemadois

comentários

  1. Janaina
    06 jun 2016

    Estou indo para bruxelas no verão e gostaria tirar algumas dúvidas e sugestões. Chegas as 16h do dia 19 e as 19h meu marido vai fazer um mergulho na Nemo 33 (ele e mergulhador) e as 21h estaremos liberados. Pensei em conhecer alguma coisa e ir ao delirium café. O q vcs achambq poderia conhecer este período. No dia 20, iremos ao mini europe. E sairemos de bruxelas as 18h.
    Gostaria de saber na opinião de vcs quais locais conseguiria conhecer neste tempo e quais são indispensáveis?
    Outra dúvida e sobre o funcionamento dos transportes públicos. Até que horas funciona? Um cartão com 10 tickets e individual ou pode ser usado por mais de uma pessoa, consigo comprar esses tickets já do Brasil? E por fim o passe de 24h conta do horário da compra ou por dia? Ex: comprado no dia 19 as 17h funciona até as 17h do dia 19 ou e das 0h do dia 30 até as 23:59 deste mesmo dia. Desde já agradeço a atencao

    • Rachel e Luciano Guedes
      08 jun 2016

      Oi, Janaina.

      Você, assim como nós, só vai ter um dia na cidade. Sugiro que você escolha os pontos que mais interessam a você. Eu diria que não pode deixar de conhecer a Grand Place, tida como a praça mais bonita da Europa. Já que vai a Minieurope, aproveite e visite o Atomium, que fica do lado.
      Até onde lembro o ticket do transporte público pode ser usado por mais de uma pessoa, mas não tenho certeza. Não dá pra comprar daqui do Brasil. E quando diz que é de 24h são 24h mesmo, ou seja, de 17h de um dia até 17h do dia seguinte.

      Aproveite sua viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.