Intercâmbio em San Diego

10 fev 2015

Desde a primeira até a última pessoa com quem compartilhei a ideia de fazer intercâmbio, a resposta era unânime: “você vai amar! Não deixe a oportunidade passar!”. Confesso que não entendia essa euforia toda que as pessoas demonstravam, mas foram tantos incentivos que eu acabei me motivando ainda mais. O post de hoje é exatamente para te motivar (caso você precise) e mostrar que sim, esse sonho é possível. Intercâmbio em San Diego pode caber no seu bolso.

Acabei decidindo fazer tudo por conta própria. Fiz alguns orçamentos em empresas especializadas mas não achei que o custo-benefício valesse a pena.  Logo, foram meses de procura até uma decisão.

A seguir vou destacar uns pontos que foram importantes nessa minha decisão e falar um pouco de como foi o meu intercâmbio em San Diego.

  • A escola

Escolhi a escola Sduis (San Diego University). O motivo principal da escolha foram as referências de pessoas conhecidas que já tinham ido e gostaram da metodologia utilizada. E realmente isso foi um diferencial.

Comecei meu contato com a escola através de e-mail. Para minha surpresa, a escola tem atendimento em português, então o diálogo fica bem fácil. Consegui tirar todos as minhas dúvidas. Depois que me decidi, a escola enviou uma espécie de formulário onde precisei colocar algumas informações como nome, passaporte, visto etc. E estava tudo certo. Era só aparecer lá no dia marcado para começar as aulas e finalizar a matricula. E eles pediram um adiamento de 75 dólares referente a matricula. Paguei no cartão de crédito.

A escola

A escola

A escola possui um Campus muito bem localizado. Fica no bairro de Old Town, ao lado de uma espécie de terminal de ônibus, trolleys e trens. Ou seja, todas as tardes, após a aula, era fácil ir a qualquer lugar da cidade.

No dia que cheguei a escola, uma segunda-feira, não tive aula. Esse primeiro dia foi para conhecer a escola, fazer um exame de nivelamento e matrícula. O exame teve questões objetivas e de listening (audição). Eram 80 questões. E conforme o número dos seus acertos, você recebia as opções de aulas. No meu caso, acertei 57 questões e fui para o Intermediário II. Tinha a opção de fazer aula de conversação (para o meu nível) ou aula de gramática. Escolhi a primeira opção pois o meu objetivo principal era pegar exatamente a fluência na língua.

Programação do primeiro dia

Programação do primeiro dia

As opções para escolha

As opções para escolha

Quanto a valores. Achei o preço da Sduis muito bom. Um mês de aulas e livros saiu por 350 dólares.

A Sduis tem aulas de segunda a quinta. Não há aulas na sexta, pois eles consideram o dia como parte do fim de semana, quando a escola desenvolve atividades específicas.

A aula ia das 9:00h às 13:30h. Haviam dois intervalos, um de 15 min e outro de 30 minutos. Na minha opinião era excelente: uma boa carga horária e as duas paradas não tornavam o dia cansativo.

As aulas foram demais! Na verdade o meu professor era demais. Ele fez diferença em tudo. As aulas de conversação tinham um tema semanal, mas ele ia além do básico e às vezes fugia um pouco do tema para incentivar-nos a falar. No início da semana ele coloca no quadro umas vinte palavras relacionadas ao tema e pedia para que nós, alunos, explicássemos. No início foi bem difícil, imaginem: primeira aula e o tema da semana era Sistema Solar. Mal cheguei na sala e pediu para eu definir Marte. Mal sei explicar em português, imagina em inglês. Mas o David, professor, conseguiu nos mostrar como é tudo mais simples do que pensamos e por incrível que pareça, consegui no final do mês explicar palavras muito piores como: ecossistema, paleontologia e por aí vai.

A aula

A aula

 

  • A cidade

A cidade foi o meu ponto de partida. Depois de decidir que eu realmente ia estudar fora, “quebrei a cabeça” até escolher o local. Pensei muito, avaliei muitas coisas e fiquei na dúvida entre San Diego e San Francisco. Confesso que no início tendi a ir para San Francisco, mas acabou que a escola me fez decidir por San Diego. Mas se tem algo que não me arrependo foi dessa escolha. San Diego ganhou meu coração. Hoje, se tivesse que morar fora, seria lá com certeza. Meu cantinho no mundo atualmente.

San Diego é uma cidade grande, com mais 3 milhões de habitantes em sua região metropolitana. Mas ao mesmo tempo é uma cidade pequena. O transporte público funciona muito bem e passei um mês indo e vindo de ônibus, trolley e trem. Tiveram alguns programas que deixei de fazer por estar sem carro sim, como ir a La Jolla (a praia mais famosa e bonita de San Diego) à noite, mas nada que estragasse a experiência. Fomos um dia após a escola mas não achamos prudente irmos à noite.

Em relação a custo de vida, as pessoas com quem conversamos nos disse que San Diego tem um custo de vida muito alto mas que não se pode comparar a San Francisco, por exemplo. Pagamos algo em torno de 3 mil reais para alugar um apartamento (ou melhor um conjugado). Caro, nós sabemos. Mas utilizamos o Airbnb e pagamos um pouco a mais por isso. Mas não tinha como não ir com moradia certa e  pagar para ver ao chegar.

Com a alimentação podemos dizer que em média, um prato com bebida e gorjeta não saía por menos de 17 dólares. Isso nas mais variadas situações.

Em transporte gastamos 45 dólares para comprar um passe que  permitia uso ilimitado de trolleys e ônibus por 14 dias. Já o passe diário custava 7 dólares.

O passe diário

O passe diário

  • Duração do curso

Se tem algum erro que cometi, e errei feio foi em relação a duração do curso. Escolhi fazer um intercâmbio rápido, de um mês e isso foi ruim demais. Não foi ruim na questão de aprendizado, porque em um mês deu para aprender bastante coisa. Mas quando você se enturma, pega afinidade com as pessoas, acaba. Você tem que ir embora. Essa parte foi horrível. Confesso.

Hoje se alguém me pergunta qual seria o tempo ideal, falo que não sei como é estudar 6 meses, um ano. Mas com certeza um mês é pouco tempo. Recomendaria pelo menos 3 meses. Penso também na questão do dinheiro. Você já investiu na passagem, em um mês de escola e no apartamento. Acredito que apertando os cintos, valha mais a pena ficar pelo menos 3 meses.

  • Preço

Bom, chegamos a questão X de todo intercâmbio, os valores. Como disse anteriormente cheguei a cotar em algumas empresas para fazer um pacote completo mas não gostei por dois motivos principais: preços e não poder escolher a escola.

Em relação aos preços vi valores a partir de 9 mil reais. Isso era escola (com matrícula e material) mais acomodação. Eu, Rachel, achei muito caro e não tinha esse dinheiro todo para investir. Mas fora esse preço, uma coisa que me deixou com o pé bem atrás foi que cada agência indica uma escola. Claro que cada agência tem sua “parceria”. E são aquelas escolas que você já conhece e ouve falar por 99% das pessoas que fazem intercâmbio. Nesse meio entram as pessoas que amam e as que tiveram problemas. Pois bem, unindo esses dois motivos, resolvi fazer por conta própria.

Como disse o curso e material por um mês custou 350 dólares. Paguei mais 75 dólares referente a matrícula no ato da “reserva”. Total de 425 dólares. Tive que pagar no final mais 6 dólares pelo certificado.


728x90

Quanto à acomodação, aluguei um apartamento pelo Airbnb que me custou 3 mil reais no total (aluguel e taxas). Como fui com duas amigas, paguei cerca de mil reais pela acomodação. Logo, aquele valor inicial de nove mil, se transformou em 2.100 reais (levei em conta o dólar a 2,50 reais que foi o valor que eu paguei quando comprei a moeda na época). Ou seja, foi um valor muito abaixo do que o orçado.

Valeu a pena? Sem dúvidas. Deu um certo trabalho fazer tudo assim? Deu o mesmo trabalho que qualquer viagem daria. Foi bem fácil achar informações e dicas. Faria de novo? Com certeza. Tudo igual? Sim. Alugaria o mesmo apartamento e estudaria na mesma escola.

Bom, esse relato é só uma introdução. Ainda vamos escrever mais sobre a California e San Diego. Fiquem de olho! 😉

E você? Já fez um intercâmbio que tenha gostado? Deixa nos comentários sua experiência ou dúvidas.

 

Publicado por Rachel e Luciano Guedes

Somos um casal apaixonado por viagens e que compartilha relatos e dicas voltados, não exclusivamente, para programas românticos. Todas as nossas dicas são baseadas em nossas experiências.

Siga
Snapchat
viagemadois

Veja também:

comentários

  1. Valeria
    10 fev 2015

    Amei as dicas. Muito obrigada!!!

      • Louise Romano
        09 mar 2015

        Oi Raquel tudo bem? Suas dicas foram muito úteis. Porém, não ficou claro pra mim se esse valor de 2100 reais inclui passagem ou não?

        • Oi, Louise! Tudo bem e vc? Não não, esses 2100 foram sem a passagem aérea. Eu paguei uns 1600 reais ida e volta pela Delta, na época. Espero ter ajudado! 😉

  2. Acompanhei a sua viagem aos EUA e não vou mentir que fiquei surpresa com os valores gastos com escola e acomodação!! Muito abaixo do que tenho visto!
    Gostei tanto do post que compartilhei, viu?
    Bjão

    • Oi, Gabi! Ficamos felizes que tenha curtido. Muito obrigada pela divulgação! 🙂

  3. murilo garrett
    28 abr 2015

    Oi Rachel e Luciano,

    Realmente os valores das agencias são altos. estou pesquisando varias escolas e cheguei na SDUIS por indicação.

    vcs entraram em contato diretamente com a SDUIS via email do site??

    to querendo fazer este mesmo curso mas entre 4 a 6 semanas. com este valores penso em fazer umas 8 semanas rsrs.

    muito boa as dicas
    parabéns!

    Muito bom

    • Oi, Murilo. Entramos em contato via email sim. Como falamos no post, se tiver disponibilidade, fique mais dias sim. 4/6 semanas passa muito rápido! 🙁 Boa sorte! Bjs

  4. Alda Alves
    29 abr 2015

    Querida, obrigada por compartilhar sua experiência e todas essas informações.
    Já faz tempo que quero fazer intercâmbio, mas é algo que não cabe no meu bolso, ou melhor, não cabia…
    Vou estudar melhor e tentar fazer assim por conta própria como você.
    Me diz uma coisa… sobre seu nível de inglês? Pra você ter conseguido o Intermediário II lá, você já tinha um bom nível aqui. Qual era seu nível? E depois do curso, você fez algum teste da avaliação pra ver o quanto seu nível aumentou? Em relação aos testes de proficiência, tipo um IELTS, você tentou fazer algo do tipo depois desse intercâmbio.
    Abraços e sucesso,

    • OI, Alda! Que bom que estamos te ajudando a fazer o intercâmbio, ficamos felizes! 🙂 Quanto ao nível de inglês eu fiz, na adolescência, curso de inglês. Então priorizei a conversação porque sabia um pouco de gramática já. O nível melhorou sim, me senti mais segura para sair falando por aí. Mas como disse no post, achei o tempo que fiquei muito pouco, ficaria mais, uns 3 meses e aí com certeza teria um inglês ainda melhor! E não fiz o teste não. Lá na Sduis tem o TOFEL, você pode tentar fazer depois do seu curso, se quiser! Bjs

  5. Tatiane
    29 jun 2015

    Olá, adorei as suas dicas!!

    Estou fazendo assim como você, um intercambio de 3 meses em Sand Diego e por conta própria, encontrei uma família americana em La Jolla e ainda não fechei a escola, você tem ideia se a escola que voce fez (e que achei muito interessante) ficará muito contramão pra mim??
    Obrigada

    • Oi, Tatiane.

      É um pouco longe sim. Acho que você levará pelo menos 1 hora pra ir e 1 hora pra voltar se for usar transporte público, e fora do horário de pico. De carro é mais viável.

  6. Letícia
    09 jul 2015

    Olá! As informações foram super úteis muito obrigada!
    Minha pergunta é sobre o visto. Vc foi com visto turista comum?
    E em qual bairro recomenda se hospedar para estudar na SDUIS?

    • Oi, Letícia! Fui com visto de turista sim porque a carga horário que eu fiz e o tempo do meu curso estavam permitidos dentro do visto de turismo. Falei com o agente de imigração que estava indo estudar e foi tranquilo. Ele só me perguntou da carga horário mesmo.

      E quanto à localização, acho que ali perto do gaslamp, convention center, zoo e downtown boas localizações. Importante ficar perto de uma estação de trolley ou ônibus! 😉

  7. Flavia
    29 fev 2016

    Ola gostei bastante da dica. 🙂

    Estou super no impasse de faço em San Diego ou Sao Francisco. Ficarei 1 mes tb e tenho 33 anos ( casada, mas vou sozinha). Vi que San Diego tem algumas desvantagens com relacao a ter muito brasileiro e mexicanos..alem disso qdo dou uma pesquisada, parece que Sao Francisco tem mais coisa para fazer….amo praia, mas quero ter uma experiencia mais completa. No final da viagem meu marido vai me encontrar para fazer a costa de MotorHome.
    Enfim…mas vi tb que acomodação em SF é bemm caro. 🙁

    Não sei o que fazer. vc conheceu SF tb. O que vc indica??

    Obrigada pelas dicas.

    • Rachel e Luciano Guedes
      01 mar 2016

      Oi, Flavia! Eu, Rachel, fiz exatamente assim. Eu fui sozinha e no final o Luciano me encontrou e viajamos pela região. Foi ótimo. Quanto a indecisão da cidade é bem complicado e individual. Eu gostei demais de San Diego por ser uma cidade grande, mas calma. Na escola tinha brasileiros sim, já na cidade em si vi menos. Como não gosto muito de espanhol, isso não me atrapalhou. Tendo a rotina de escola/estudo você realmente acaba vendo mais inglês. SF já é uma cidade bem maior. Senti mais dificuldade em me locomover quando fui, por exemplo. Mas tem bastante coisa pra fazer. Eu te recomendaria SD, mas pq foi minha experiência e foi ótima! hehe!! Se puder ajudar em algo mais.. bjs!

  8. Fizemos um intercâmbio de 1 mês em San Diego, em 2011, e adoramos! O ideal mesmo é poder ficar mais tempo, pelo menos 6 meses. Mas tínhamos que voltar para trabalhar, só conseguimos tirar 1 mês no trabalho. Mas foi uma experiência incrível!

    • Pois é! O ideal é mais tempo, mas se tiver um mês só vale a pena também!! Confesso que tenho muito vontade de ir de novo.. heheh!! 😉

  9. Natalia
    05 abr 2016

    Oi, Rachel!

    Você tem o link desse apartamento que vocês alugaram pelo airbnb? Sabe se ele ainda está disponível pelo menos??

    Obrigada!!

  10. Mariana
    07 dez 2016

    Oi, Rachel!
    parabéns pela matéria, muito útil por sinal.
    Eu ouvi falar bem desta escola onde você estudou, acabei caindo aqui por causa disto.
    Você sabe se lá eles aceitam 6 semanas de estudo? Ou se trabalham só com meses? Pois é o mááximo de tempo que consigo de férias, vi no site deles mas não achei esta info.
    Tks!

    • Rachel e Luciano Guedes
      08 dez 2016

      Oi, Mariana. Tudo bem? Que bom que gostou do post.. =) Olha, eu não sei informar isso.. você já tentou entrar em contato com eles? Não sei como está agora mas eles sempre responderam os emails (por mais que demorasse). Bjs

  11. Vitor Reis
    01 jun 2017

    Raquel, estou muuuuuuuuuuito a fim de ir pra Califa em Abril/2018 mas não quero gastar 15.000 com as agências da vida.
    Estou procurando free schools ou então essas escolas SDUIS, CISL, Connect English..
    Moradia, fora o airbnb, como encontrar antes de ir, homestays ou share room para ficar?

    Vou por 45 dias, infelizmente é o que consigo com minhas férias da empresa.

    Essa escola é REALMENTE boa?

    • Rachel e Luciano Guedes
      05 jun 2017

      Oi, Vitor. Olha, eu acredito que boa parte da experiência é por conta do professor. Eu amei o meu professor, e como disse no post achei as aulas muito boas! Há várias atividades extra na escola e pessoas que foram antes/depois também acharam a escola boa! Eu recomendo e acho o custo beneficio realmente válido!

  12. Lais
    20 jun 2017

    Oi Rachel!! Adorei as dicas, estou me programando para um curso de 01 mes,mas já pensando
    em aumentar um pouco,teria alguma dica de como consigo acomodação com preço legal,por que pelo airbnb com aquelas taxas o preço sobe um pouco, para 30 dias, vc diria que preciso levar mais ou menos quanto em dolar? Valeu!!

    • Rachel e Luciano Guedes
      22 jun 2017

      Oi, Lais! Eu só usei o Airbnb mesmo, não tenho outra dica para te dar com a acomodação não. Quanto ao valor, a California é mais cara que que a Florida, por exemplo então quanto mais você conseguir levar, mais confortável vai ser. 🙂

  13. AUGUSTO DE MATTOS GARCIA
    30 jun 2017

    Parabéns pelo post! Super sincero e animador. Os valores da sduis são super atrativos.
    Tem alguma coisa negativa a dizer sobre a escola? O fato se ser próximo ao México, tem alguma preocupação por isso?
    Obrigado por compartilhar sua experiência!

    • Rachel e Luciano Guedes
      17 jul 2017

      Oi, Augusto! Olha não tenho nenhuma reclamação negativa não. Nem na escola e nem para a cidade. A cidade é ótima e voltaremos com certeza! Já a escola acredito que o professor que faça diferença também. O meu foi excelente! Espero ter ajudado.
      Abs
      Rachel

  14. Priscila Justo
    11 jul 2017

    Olá. Adorei o post, e foi muito útil mesmo. Estava em dúvida em San Diego ou Sao Francisco, mas já fiz minha escolha por San Diego, após ler muitos posts favoráveis à cidade.
    Penso em fazer em março/2018, mas vou sozinha e acredito que o custo de aluguel de um apartamento sozinha fique muito alto, teria alguma dica de onde encontrar Casa de família?
    muito obrigada.

    • Rachel e Luciano Guedes
      17 jul 2017

      Priscila, na época que fiz o intercâmbio também fiquei muito na dúvida das duas cidades mas acho que a escolha por San Diego não poderia ter sido melhor! 🙂 Infelizmente eu não tenho nenhuma dica de casas de família. O que eu cheguei a ver na época com a escola, foi ver um quarto tipo em uma republica. Acabou que financeiramente, como éramos três, não valeu tanto a pena.

      Abs
      Rachel

  15. Priscila Justo
    11 jul 2017

    E esqueci de perguntar: qual a melhor localização de hospedagem?

    • Rachel e Luciano Guedes
      17 jul 2017

      Olha, a melhor zona acredito que seja perto do Gaslamp e Balboa Park, porém são zonas mais caras e fica um pouco longe da escola, cerca de uns 25min de ônibus. 🙂

  16. Vera Ferreira
    19 jul 2017

    Oi Rachel, parabéns pela matéria.

    Uma pergunta: como é a forma de pagamento da SDUIS? Tem como parcelar?

    Obrigada 🙂

    • Rachel e Luciano Guedes
      20 out 2017

      OI, Vera. Não pode parcelar não. Eu paguei mês por mês. 🙂

  17. Mauricio
    07 set 2017

    Olá Rachel. Suas dicas foram muito boas!
    Eu pretendo fazer um curso de 4 semanas, pago pela empresa que trabalho, mar aí tenho que contratar uma agência de intercâmbio no Brasil. Sabe de alguma que vende o curso da Sduis?
    dúvida 1: o curso é proveitoso se eu quiser conciliar com uma viagem com esposa e filha. Pretendemos turistas no tempo livre.
    dúvida 2: o curso é válido pra faixa etária de 35 anos?
    Muito obrigado!!

    • Rachel e Luciano Guedes
      20 out 2017

      Oi, Mauricio. Tudo bem?
      Olha, não sei qual agência que vende por aqui não. Eu fui por indicações de amigos.

      Como disse no post, tinha aula de segunda a quinta na parte da manhã. As tardes, sextas e finais de semana eram livres. Dá pra conhecer bastante coisa. E sim, super dá para fazer o curso nessa faixa etária. Na minha sala tinha gente de 40/50 anos. 🙂

      Abs
      Rachel

  18. Lara
    25 out 2017

    Olá!

    Gostei muito do post de vocês. Pretendo ir estudar em San Diego durante 6 meses ou 1 ano. Mas os valos pelas agencias no Brasil são altíssimos.
    Tem um grupo no face que chama “San Diego para Brasileiros”, com muitas informações bacana, caso alguém leia meu comentário e tenha interesse hehe.

    • Rachel e Luciano Guedes
      25 out 2017

      Obrigada por compartilhar conosco essa dica, Lara! 🙂

  19. Alisson Daher
    27 out 2017

    olá, vc conhece a escola San Diego Continuing Education? recomenda?

    • Rachel e Luciano Guedes
      31 out 2017

      Oi, Alisson. Não conhecemos não. =/

  20. Rodolfo
    18 dez 2018

    Se eu estudar 3mes,Qual é o valor q tem q comprovar financeiramente para a escola?

    • Rachel e Luciano Guedes
      07 jan 2019

      Rodolfo, não sabemos valores para três meses. Melhor mandar um email para lá e se informar com eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.